Uncategorized

Como utilizar o ar-condicionado do carro corretamente

O ar-condicionado em carros é um acessório que está sendo cada vez mais incluído nos modelos que saem das montadoras brasileiras. Como vivemos em um país de clima bem quente, na sua maior parte, todo mundo gosta do conforto que ele proporciona, tanto na cidade quanto na estrada. Porém, é importante saber utilizar o ar-condicionado corretamente para garantir seu bom funcionamento e durabilidade. Aqui estão algumas dicas de como fazê-lo:

1) O ar-condicionado deve ser ligado pelo menos uma vez por semana para se manter em boa forma e evitar a perda do gás refrigerante. Sistemas de ar-condicionado automotivos que ficam muito tempo desligados tendem a perder o gás refrigerante, o que pode exigir recarga. No entanto, apenas fazer a recarga do gás pode não ser suficiente para o ar funcionar corretamente.

2) Ao ligar o ar-condicionado, é recomendado abrir bem as portas e os vidros do carro e esperar alguns segundos. Em seguida, feche as portas, ligue o carro e saia, com os vidros ainda abertos, para que o calor acumulado no interior do veículo saia. Ligue o ar-condicionado, preferencialmente na potência máxima, e direcione as saídas de ar para cima, permitindo que o ar frio resfrie uma área maior. Evite deixar o ar recirculando, já que o ar-condicionado pode acabar usando ar quente para funcionar. Aguarde até perceber uma melhora na temperatura e, então, feche os vidros.

3) Em situações de clima mediano, como em estradas, é possível utilizar o ar-condicionado na temperatura média para manter a sensação de conforto, sem a necessidade de desligá-lo, a menos que o aumento do consumo de combustível seja um fator limitante.

4) O ar-condicionado também pode ser utilizado para desembaçar os vidros rapidamente, garantindo uma visão clara da estrada em condições adversas.

5) Em relação ao consumo, em velocidades mais baixas, até 60 km/h, é mais econômico deixar os vidros abertos. No entanto, em velocidades a partir de 70 ou 80 km/h, o arrasto aerodinâmico gerado pelos vidros abertos aumenta mais o consumo do que ligar o ar-condicionado, tornando-o a melhor opção nesses casos.

6) Recomenda-se fazer uma verificação especializada no sistema de ar-condicionado a cada seis meses para verificar as mangueiras, a pressão do gás e o estado do filtro de partículas, que, quando sujo, pode comprometer o funcionamento do sistema.

7) O uso da recirculação do ar-condicionado é indicado apenas em situações específicas, como ao passar por locais com odores desagradáveis ou ao seguir veículos que emitem muita fumaça, devendo ser desligado sempre que possível para garantir a circulação adequada de ar fresco dentro do veículo.

8) Deixar o sistema de ar-condicionado ligado o tempo todo não é recomendado, pois pode resultar em uma redução da qualidade do ar devido à diminuição da concentração de oxigênio. Portanto, o uso do sistema deve ser restrito ao necessário para garantir um ambiente interno saudável.