Uncategorized

Problemas de lubrificação nos veículos comerciais Fiat Ducato, Peugeot Boxer e Citroën Jumper

Recentemente, foi levantada uma questão sobre o fornecimento de óleo lubrificante para os veículos comerciais Fiat Ducato, Peugeot Boxer e Citroën Jumper. Esses utilitários compartilham a mesma base, sendo os dois últimos variações do modelo italiano.

Um proprietário, Bruno Felipe, expressou sua preocupação em relação ao óleo correto para a versão com motor 2.3 turbo diesel do Fiat Ducato 2024, que difere do Peugeot Boxer 2.3. Ao adquirir o Peugeot Boxer, Bruno recebeu 2 litros de óleo 5w30 originais da Peugeot. No entanto, posteriormente, ele tomou conhecimento de problemas em motores 2.3 Multijet, como consumo excessivo, fumaça no motor e problemas nos bicos, todos esses associados ao Fiat Ducato 2.3. Ao consultar o manual do Fiat Ducato, Bruno verificou que a recomendação era utilizar óleo 15w30, enquanto no Peugeot Boxer a recomendação era 5w30 ou 10w30.

Ao questionar a concessionária Peugeot, Bruno não obteve informações claras sobre a situação. Ele relatou que o óleo do motor do Fiat Ducato 2.3 parecia estar sendo oferecido aos clientes da Peugeot, o que poderia resultar nos problemas mencionados. Bruno inclusive mencionou rumores sobre um possível recall da Fiat devido a essa questão.

Diante disso, a recomendação é para os proprietários do Fiat Ducato 2.3 Multijet ficarem atentos e buscarem informações detalhadas sobre a especificação correta do óleo lubrificante para o modelo. Essa situação levanta questões sobre a indicação incorreta do lubrificante por parte da Fiat, especialmente considerando que todos os veículos em questão são variações do Fiat Ducato. Agradece-se a Bruno Felipe por compartilhar essas informações, salientando a importância da atenção apropriada às especificações de lubrificação em veículos comerciais.